Steps e a concepção de um produto

3 minute read Published:

Recentemente na newsletter do Product Hunt me deparei com um aplicativo bem interessante que se propunha a solucionar um problema bem comum, com uma formula bem simples.

Steps é um produto criado por Fabian Ehlert e Rikke Koblauch que se propõe a resolver o problema da ansiedade utilizando um método de terapia de exposição. Esse formato de terapia se baseia na ideia de você ir concluindo atividades que te forçam a lidar com seus medos, no caso da ansiedade, por exemplo, seria dar high fives com pessoas desconhecidas na rua.

peguei a imagem da capa deles :)

Como comentei, a proposta é simples e a solução bem simples e parece ser bem efetiva pelo jeito, eles testaram em si mesmos.

Mas o que realmente me fez escrever esse post foi lendo os artigos postados com eles e ver a caminhada para definir a solução deles, e como eles aplicaram algumas etapas na evolução do conceito.

Eles não tentaram sair resolvendo o problema de uma vez, preferiram fazer um pretótipo (tradução livre de pretotype), construindo um chatbot para validar o conceito.

Descobriram que talvez um chat com um robô não fosse a melhor forma de resolver o problema, por que não trazia a sensação de comunidade. propunham os desafios e as pessoas comentavam suas histórias de como Pegaram as lições aprendidas e criarão um grupo do Facebook onde concluíram o desafio.

Criaram uma “Fearshop” para para se entenderem os problemas/medos mais comuns dentro das pessoas que procuram atender, usaram isso tanto para discutir as dores, das pessoas que vieram (quanto de si mesmos, já que parece que eles também sofrem do mal que tentam tratar), quanto para coletar dados sobre quais os problemas mais comuns e direcionar o esforço deles naquele sentido.

Só então criaram um App (hoje apenas disponível pra iPhone) usando o aprendizado deles, isso porque agora eles viram uma forma de usar a tecnologia como uma vantagem para alcançar mais pessoas.

Essa caminhada é uma forma muito válida de definir um produto

  • eles tiveram uma ideia: usar terapia de exposição para ajudar pelos com ansiedade a lidar com o problema delas,
  • definiram uma solução rápida para validar a ideia: um chat bot,
  • viram que a solução não era o suficiente, “abandonaram” aquilo e criarão outras soluções que envolviam um pouco mais ou um pouco menos tecnologia para tentar resolver o problema
  • aprenderam e criarão um nova solução, mas completa e tem tido um ótimo feedback sobre ela (vide newsletter do Product Hunt e parece que foram destaque na App Store).

Em todas elas eles validavam as etapas, aprendiam com elas e avançavam, sem medo de jogar fora o construído e criar novamente sem necessariamente estar precisando usar soluções tecnológicas avançadas e com uma proximidade grande com o público deles.

Pelos posts demostram que é algo que eles realmente tiveram/têm muita paixão em fazer.

Eu recomendo dar uma passada no blog deles e dar uma lida nos posts, estão muito bons:

Steps An app helping you overcome social anxiety

Só queria compartilhar esse projeto que tropecei pela internet e recomendar uma boa leitura.

comments powered by Disqus